Com quantos tweets se faz um trending topic?

http://infoplaypodcast.files.wordpress.com/2010/12/top-twitter-trends-in-2010-c2b7-twitter.png 

Clique no banner acima para ver os trends 2010

Uma coisa é certa: eles não são os mais comuns, mas os que bombam de uma hora para outra

http://www.davidtan.org/wp-content/uploads/2009/07/twitter-popular-trend-topics.gifDescobrir o algoritmo do Google é muito anos 00. Hoje, o mistério da internet é como um assunto entra na lista de assuntos quentes do Twitter, os trending topics. 

Quando surgiram, em abril de 2008, eles eram o que muitos acham que eles ainda são: um ranking das palavras mais tuitadas. Na época, estimou-se que entre 1 200 e 1 900 mensagens de 500 a 900 usuários diferentes, dependendo do horário, botavam um termo na lista.

Como os assuntos se repetiam muito, o Twitter mudou a lógica dos trending topics. Desde janeiro de 2010, não são as palavras mais tuitadas que entram na lista, mas as que tiveram um aumento súbito - e, assim, milhões respiraram aliviados ao abrir seus perfis e ver que Justin Bieber não estava mais lá.

A equipe do Twitter também pode editar a lista, censurando assuntos que julgue inadequados ou fazendo inserções publicitárias, os promoted trending topics. Custa US$ 100 mil - o único número garantido para emplacar um assunto na lista.

Fonte Revista Abril Superinteressante

Tem sempre um vizinho que pensa como você. Cromaz, rede social nova.


Nada pior do que falar da chuva no elevador, concorda? Mas o que conversar com o seu vizinho, se você não tem a menor ideia do que ele faz, ou do que gosta? O Cromaz te dá uma mãozinha. 

Essa rede social organiza usuários geograficamente - por cidades e bairros -, além de indicar afinidades esportivas, culturais e profissionais. Ou seja, você pode descobrir que o seu vizinho barulhento nem é tão mala quanto você pensava!


Para garantir a segurança de todo mundo, os nomes dos bairros e das ruas não são exibidos para qualquer pessoa. Um usuário só consegue saber a rua ou bairro de outra pessoa se ambos estiverem cadastrados no mesmo endereço. Alem disso, a troca de endereço do cadastro pode ser feita somente uma vez a cada três meses.

Mais que uma rede social, o
Cromaz pretende ser uma rede social real, já que sua função é aproximar pessoas que já estão perto uma da outra. 

Olha que divertido: você bate na porta do vizinho para pedir aquela xícara de açúcar que faltou na receita, puxa assunto sobre um filme que os dois já viram e, no final, já está convidando o amigo novo para comer uma fatia do bolo que vai sair do forno. Simpático, né? 

O que é um NERD? Você sabe? #NERD

http://t3.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcTFal2FHgpYI0cEj2_pznkh0es5xZx_Fyoe5TJSzmGkd7CtpPtv2A

Etimologia

A expressão é utilizada desde o final da década de 1950 no Massachusetts Institute of Technology (MIT). 

Também há uma versão na qual a palavra derivaria de Northern Electric Research and Development (Departamento de Pesquisa e Desenvolvimento da companhia Northern Electric do Canadá, hoje Nortel), ou seja, atribuída àqueles indivíduos que trabalhavam no laboratório de tecnologia, que eram dados a passar noites em claro nas suas pesquisas.

Na década de 1960 difundiu-se a sua conotação pejorativa, aplicado a pessoas com inteligência geralmente acima da média, com alguma dificuldade em se relacionar socialmente, e que não obedece aos padrões, principalmente físicos e intelectuais, da sociedade tornando-se uma pessoa marginalizada, tímida e solitária. 

Atualmente no entanto o termo nerd vem sendo usado por determinados grupos relacionados a interesses específicos como forma de se identificarem.

Outra possível origem da palavra vem do hábito de alguns estudantes do MIT (Massachussets institute of technology ou Instituto de Tecnologia de Massachusetts; em português) de chamar alguns alunos de "knurd" (a palavra vem de "drunk", bêbado em inglês, escrito ao contrário). Fazendo uma clara analogia inversa sobre aqueles que não estudam e ficam bêbados em oposição aos que estudam e não se embriagam.

Estereótipo

Segundo uma definição de Lia Portocarrero Amancio, "…é o rapaz (ou moça) que nutre alguma obsessão por algum assunto a ponto de a) pesquisar; b) colecionar coisas; c) fazer música; d) escrever sobre (normalmente acompanhado de pesquisa); e) não sossegar enquanto não descobrir como funciona; f) não dormir enquanto o programa não rodar."

Segundo Paul Graham, "Existe uma relação entre ser esperto/inteligente e ser nerd, ou melhor, há uma correlação inversa maior ainda entre ser nerd e ser popular. Se ser esperto parece fazer a pessoa não popular" de forma análoga vem a conotação pejorativa.

Os Nerds são conhecidos por um determinado estereótipo, muito divulgado em filmes ou desenhos animados, que geralmente não correspondem a realidade total. Eles não têm um padrão próprio de vestuário e podem ser muito sociáveis se se sentirem confortáveis no ambiente.

Apesar de serem uma Tribo Urbana, pode ser difícil reconhecê-los no dia-a-dia pois, ao contrário das outras tribos, não tem um estilo facilmente reconhecível à primeira vista, porém com um convívio prolongado, é possível claramente diferenciá-los. Tampouco gostam dos mesmos tipos de música, e nem todos frequentam os mesmos lugares (apesar de uma grande parte frequentar convenções de quadrinhos e ficção científica ou mesmo, preferirem ficar em casa envolvidos em suas atividades).

Fonte: Wikipédia


Saiba também o significado GEEK 

Coca-Cola - Razões para ACREDITAR! Vídeo muito lindo!

BIC APOSTA EM NOVO ARGUMENTO PARA LANÇAMENTO DA CAMPANHA DE COMUNICAÇÃO DE PILHAS





A BIC – empresa que já atua nas categorias de acendedores, barbeadores e papelaria – anuncia campanha de comunicação para a recém-lançada categoria de pilhas. Do dia 19 de janeiro a 12 de fevereiro de 2011, vai ao ar o filme “Pilhas BIC: Como tudo que é BIC, não te deixa na mão”, categoria na qual a empresa tem obtido bastante sucesso. O conceito e o filme da campanha foram criados pela agência BorghiErh/Lowe.
 
O discurso das pilhas BIC será baseado no diferencial reconhecido por todos os produtos BIC: sempre entregar o que é preciso para uma necessidade imediata. “O usuário de pilhas, no geral, não mede o tempo de esgotamento do produto. Portanto, saber que uma pilha dura tantas vezes mais não lhe convence, ele simplesmente não tem esse parâmetro. Mais importante do que ter uma pilha que dura bastante, é ter uma pilha que não acaba justo na hora que o consumidor precisar dela”, explica Vincent Parachini, gerente de produto para novos negócios da BIC Brasil.
 




A credibilidade, segurança, eficiência e melhor custo X benefício, qualidades reconhecidos da marca BIC, em conjunto com a idéia do filme, prometem chamar atenção dos telespectadores. “A BIC quer oferecer ao consumidor uma comunicação visual única, o cartoon, contando a vida de um rapaz descuidado e brincalhão que é sempre salvo das situações pela eficiência das pilhas BIC. As ilustrações, feitas com traços simples, remetem a um de nossos produtos mais célebres: a caneta BIC”, detalha Parachini.


Segundo Fernando Nobre, diretor de criação da BorghiErh/Lowe “a opção pelo desenho, pela caricatura, permitiu à campanha um toque de humor, uma vez que em cada história o papel da pilha – “herói” do filme – é resolver as mais divertidas e inusitadas situações do personagem e nunca deixá-lo na mão”.


”O destaque para o produto fica evidente, pois as pilhas BIC surgem reais, na peça, chamativas e coloridas, ficando em contraste com o filme no qual as cores predominantes são preto e branco”, completa Parachini.


“Com essa execução própria, única e diferente, foi possível construir uma identidade conceitual e visual com um caminho forte a percorrer no desenvolvimento da marca BIC dentro desta categoria”, finaliza José Henrique Borghi, presidente da BorghiErh/Lowe.


A campanha visa atingir inicialmente o target formado por adultos jovens, e o plano de mídia contempla os canais TNT, FOX, Discovery Kids e Disney.



#Novo no Twitter e não sabe o que é um Retweet? O Morawski dá uma mãozinha pra você!

Você gostou muito de um Tweet? Retweet! Muitas vezes você se depara com um Tweet interessante e você quer compartilhá-lo com seus seguidores. 

O Retweet (também conhecido como "RT") é um recurso que facilita aos usuários compartilhar com todos os seus seguidores, um determinado Tweet de forma simples e rápida.
Como usar o Retweet:

   1. Passe o mouse sobre um Tweet

   2. Clique na opção retweet, abaixo destacada

   3. Este Tweet será enviado à todos os seus seguidores

 
Screen_shot_2010-07-21_at_2.19.07_PM.jpg
 
Onde encontrar os Retweets:


Clique na aba “Retweets” na sua página inicial para ver o que você retweetou, o que foi retweetado pelos usuários que você segue, e quem retweetou seus Tweets! Os itens abaixo estão localizados no seu menu de Retweets. Clique em cada um deles para ver os resultados.

    * Retweetados por outros: leia os retweets postados pelas pessoas que você segue na primeira aba,'Retweetado por outros.'
 
    * Retweetados por você: leia os seus retweets - esta função é similar a função itens enviados, da sua conta de e-mail. Se outros usuários também retweetaram a mensagem, você verá o ícone dos perfis.

    * Seus Tweets, retweetados: descubra quem retweetou seus tweets!

Nota: Por favor tenha em mente que os retweets, funcionam como tweet comum, logo, as mensagens retweetadas pelos usuários que você bloqueou, não aparecerão no seu histórico.

Screen_shot_2010-09-14_at_2.30.28_PM-1.jpg


Como eu posso ver quem Retweetou meus Tweets no Novo Twitter?

É muito fácil, basta clicar em 'Seus Tweets, Retweetados' na aba de Retweets, e então clique no Tweet! Um painel de detalhes se abrirá ao lado direito do Tweet, com a lista de usuários que recentemente Retweetaram o seu Tweet bem como o número total de vezes que o Tweet foi Retweetado.
 
retweets.jpg


Como Desativar os Retweets:


Se você segue uma conta, porém não gostaria de ver os Retweets deste usuário no seu histórico, basta visitar o referido perfil e desativar a função Retweets para este perfil. Veja como fazê-lo:

   1. Abra o perfil do usuário, ou vá para http://www.twitter.com/username

   2. Ao lado do botão de seguir, clique no botão de Retweets, representado pelo ícone mostrado abaixo. O botão mudará da cor verde para Cinza = DESLIGADO, quando o botão estiver cinza, nenhum dos Retweets feitos por este usuário aparecerão no seu histórico.

   3. Para ligar os Retweets novamente, basta clicar no botão e ele se tornará verde. Verde = LIGADO.

Screen_shot_2010-09-16_at_2.52.18_PM.png


Tenha em mente:

    * Se você perceber um usuário novo no seu histórico, é porque alguém que você segue achou um Tweet interessante e o Retweetou. Nesta mensagem você verá a imagem e o nome do usuário que escreveu o referido Tweet. Desligue a função Retweet do perfil se você não gosta das mensagens que este usuário compartilha.

    * A função de desligar ou ligar os Retweets NÃO é retroativa, ou seja, os Retweets de um usuário que você segue só serão postados em seu histórico quando o botão de Retweet estiver verde. Se você desativou a função e mudou de idéia, não tem problema, porém, os Retweets feitos por este usuário enquanto o botão estava cinza, não serão postados na sua página.

Como Reconhecer os Retweets no seu Histórico e Perfil:

Os Retweets são facilmente reconhecidos através do ícone retweet
Screen_shot_2010-07-21_at_2.42.25_PM.png 
seguido do nome do usuário que Retweetou a mensagem, localizado no canto direito da mensagem. Para dar crédito ao autor de um Tweet, os retweets levam a foto do perfil, nome do usuário, e o tweet original do usuário que escreveu a mensagem, com a informação "retweetado por" e a informação do usuário que retweetou.


Screen_shot_2010-09-14_at_2.30.48_PM.jpg


Perguntas Frequentes

As pessoas muitas vezes se perguntam:

   1. Eu posso desabilitar os retweets? 

Você pode deixar de seguir um usuário cujos Tweets você não gosta, ou simplesmente desabilitar os Retweets de um determinado usuário, mas não desabilitar a função completamente.


   2. Quando usuários visitam minha página, eles conseguem ver meus Retweets em uma aba, como os favoritos? 

Os usuários poderão ver os retweets postados em um perfil, procurando pelas mensagens que contém o ícone retweet. Somente você verá o seu arquivo de retweets.

   3. Eu posso retweetar nas apps como Tweetie, twhirl, etc? 

Os Retweets, são como um Tweet normal, eles aparecerão de forma diferente nos aplicativos. Todos os retweets feitos através dos aplicativos de terceiros (tais como Tweetie e twhirl) aparecerão na sua aba de retweets SE tais aplicações usarem o API do Twitter. (Você não tem certeza? Tente retweetar da sua app favorita, e em seguida verifique a sua aba "retweetado por você".) Muitos aplicativos têm sua própria versão de retweetar; os retweets enviados de aplicativos que não possuem as características oficiais, não serão mostrados na sua aba de retweet.

   4. Existe limites de retweets? 

Não existe um limite no número de vezes que um tweet pode ser retweetado, no entanto o Twitter mostrará somente os 100 mais recentes retweets feitos de contas públicas.

Texto original suporte twitter

30 segredos que os pilotos não contam, muito menos as empresas!

Profissionais dizem o que não costumam falar dentro de aviões

por Redação Galileu
Editora Globo

Aeroporto de Brasília - novembro de 2010 // Agência OGlobo
Você, que tem arrepios quando o avião decola ou faz chacota com quem tem medo de voar, deveria ler com atenção os segredos que os pilotos de aeronaves não costumam contar para ninguém. E assim, descobrir quando realmente é hora de se preocupar e quando é exagero. A revista Reader’s Digest perguntou a pilotos de diversas empresas aéreas nos Estados Unidos quais as coisas que eles não diriam a seus passageiros.

Em tempos de caos aéreo, os profissionais dão dicas úteis para pessoas de qualquer lugar do mundo que estão pensando em pegar um voo. Por exemplo, não adianta nada pedir informações sobre o aeroporto a um piloto, eles viajam tanto que quase nunca conhecem os lugares onde estão.


1. “Nós também sentimos falta dos amendoins” – Piloto da US Airways

2. “Estou constantemente preocupado em carregar menos combustível do que acho confortável. Empresas Aéreas estão sempre olhando para os limites, e você queima combustível quando carrega combustível. Algumas vezes, se você carrega só o suficiente e enfrenta tempestades ou atrasos, de repente está sem combustível e precisará ir a um aeroporto alternativo” – Comandante de uma grande empresa

3. “Às vezes a companhia não nos dá pausas para almoço ou até tempo para comer. Nós temos que atrasar voos para conseguir comer alguma coisa.” – Primeiro Oficial de transportadora regional

4. “Nós contamos aos passageiros o que eles precisam saber. Nós não contamos coisas que irão assustá-los demais. Você nunca vai me escutar dizer: ‘Senhoras e senhores, acabamos de ter uma falha no motor’, mesmo se isso for verdade” – Jim Tilmon, piloto aposentado da American Airlines

5. “A verdade é que nós estamos cansados. Nossas regras de trabalho nos obrigam a estar em serviço por 16 horas sem intervalo. São muitas horas a mais que um motorista de caminhão, que podem descansar na próxima parada, nós não podemos parar na próxima nuvem” – Comandante de uma grande empresa.

6. “Algumas regras da FAA [Administração Federal de Aviação, EUA] não fazem sentido para nós também. Como o fato de estarmos a 30 mil pés, a 400 milhas por hora em um avião que pode pegar turbulência a qualquer minuto, comissários de bordo podem andar e servir café quente. Mas quando estamos no chão, em um pedaço de asfalto a cinco milhas por hora, eles devem ficar de cinto como se estivessem numa corrida de carro.” – Jack Stephan, comandante da US Airways

7. “Em alguns aeroportos com pistas muito curtas, nos não teremos um pouso suave, mesmo se formos muito bem.” – Joe D’Eon, piloto de uma grande empresa 

Editora Globo

8. “Eu posso estar de uniforme, mas isso não significa que sou a melhor pessoa para pedir informações em aeroportos. Nós andamos por tantos que geralmente não temos ideia.” – Piloto de transportadora regional

9. “Você pode entrar no site de uma companhia aérea e comprar uma passagem, passar por sua bancada e entrar em uma aeronave que tem o mesmo nome pintado, mas metade do tamanho, você está é numa linha regional. Ela não têm os mesmos padrões de segurança das maiores: seus pilotos não têm tanto treinamento e experiência, e o cliente não sabe disso” – Capitão de uma empresa grande

10. “A maioria das vezes, o pouso é um bom indicador da habilidade do piloto. Então, se você quiser dizer algo legal para um piloto quando descer do avião, diga: ‘Boa aterrissagem’. Nós gostamos disso.” – Joe D’Eon

11. “As empresas aéreas ajustam seu tempo de viagem para se saírem bem no quesito chegadas pontuais. Então elas dizem que um vôo dura duas horas quando ele realmente dura uma hora e 45 minutos” – Comandante da AirTran
Quando se preocupar

12. “Uma coisa é quando o piloto coloca o sinal para os passageiros apertarem os cintos. Mas, quando ele diz para que os comissários de bordo se sentarem, é melhor escutar. Significa que há uma turbulência forte.” – John Greaves, advogado de acidentes aéreos e comandante aposentado

13. “Pouso na água não existe. O nome correto é colisão com o oceano” - piloto

14. “Um avião voa para uma corrente ascendente, a qual não conseguimos ver no radar à noite, é como um solavanco de 500 milhas por hora. Joga tudo para o alto e para baixo com violência. Isso não é o mesmo que turbulência, que chacoalha tudo por algum tempo” – John Nance, analista de segurança na aviação e comandante aposentado.

15. “Viajar como um bebê no colo é seguro? Não, é extremamente perigoso. Se há algum impacto ou desaceleração, há uma boa chance de você não conseguir segurar seu filho e ele se torna um projétil. Mas a lógica do governo é que se mandarmos você comprar um assento para seu bebê, você irá de carro, e você tem mais chances de se machucar viajando de automóvel do que de avião” - Patrick Smith
 
16. “Pilotos ficam bobos em ver que tanta gente tem medo de turbulência. É impossível que ela cause uma queda. Nós evitamos turbulência porque ela é incômoda” - Patrick Smith

17. “Fui atingido por raios duas vezes. Muitos pilotos são. As aeronaves são construídas para suportar isso. Você ouve um barulho alto, vê uma luz forte e é isso. Não vai cair.” - Piloto de transportadora regional
  
Editora Globo
Agência OGlobo

18. “Muitos não dirigiriam por uma estrada a 100 Km/h sem usar cinto de segurança. Mas quando estamos no ar a 800 km/h e desligamos o sinal do cinto, metade tira. Mas se atingirmos uma bolsa de ar, a cabeça dos passageiros vai para o teto” – comandante de empresa grande

19. “Não lugar seguro para sentar-se. Em um acidente, as pessoas do fundo estarão mortas e, depois, é a vez das pessoas da frente.” John Nance

20. “O lugar mais tranqüilo para sentar é perto da asa. Onde mais balança é no fundo. O avião é como uma gangorra, se você vai no meio, não balança muito.” – Patrick Smith


21. “Se você é tem medo de voar, marque um vôo de manhã. O calor do solo mais tarde causa correntes de ar, e é mais comum tempestades com trovões à tarde.” Jerry Johnson, piloto.

22. “Nós não fazemos você guardar seu laptop porque temos medo de interferência eletrônica. É por que não queremos transformar ele num projétil. Eu não sei de você, mas eu não quero ser atingido por um MacBook a 300 km/h” – Patrick Smith 

23. “As pessoas não entendem por que não podem usar seus celulares. O que pode acontecer se 12 pessoas decidirem ligar para alguém antes de pousarmos é que eu posso ter uma falsa leitura dos instrumentos dizendo o avião está numa altura maior do que está de verdade.” – Jim Tilmon

24. “Não queremos acabar com sua diversão quando desligamos seu fone. Nós só queremos que você nos escute, caso exista uma emergência” – Patrick Smith

25. “Está frio no avião? Avise seu comissário de bordo. Estamos em batalha constante com eles sobre a temperatura. Eles se movimentam o tempo inteiro, por isso estão sempre ligando e pedindo para esfriar. Mas sei que a maioria dos passageiros congela” – Comandante de uma grande empresa

26. “Muitas pessoas ficam doentes após viajar não por causa do ar que respiram, mas pelo que tocam. Assuma que a bandeja e o botão para reclinar o assento não foram limpos, mas limpamos o banheiro.” - Patrick Smith

27. “O caminho do ar no avião é de frente para o fundo. Se você está preocupado em respirar o ar mais fresco possível ou não passar tanto calor, sente na frente. Aviões são mais quentes no fundo.” - piloto

28. “Pilotos dormem? Sim. Às vezes é só um cochilo de 10 minutos, mas acontece” – John Creaves

29. “Lembre-se disso antes de reclamar sobre o preço de uma passagem: as tarifas hoje custam o mesmo do que custavam em 1980.” – Patrick Smith

30. Uma coisa que um piloto nunca dirá: “Estamos com visibilidade zero”. Eles dirão: “Tem neblina na área”.

Compare dados da internet 2009

Numeros sempre impressionam, ainda mais os numeros da internet.
Apresento um resumo dos dados de 2009, sendo que em 2010 só teremos ano que vem.
Mas serve como fonte de dados e de comparação quando chegar os resultados 2010.

E-mail

  • 90 trillion - O número de e-mails enviados pela Internet em 2009.
  • 247000000000 - número médio de mensagens de e-mail por dia.
  • 1400000000 - O número de usuários de e-mail em todo o mundo.
  • 100 milhões - os novos usuários de e-mail desde o ano anterior.
  • 81% - a porcentagem de e-mails que eram spam.
  • 92% - Pico níveis de spam no final do ano.
  • 24% - Aumento de spam desde o ano passado.
  • 200000000000 - O número de spams por dia (supondo que 81% são spam).

Sites

  • 234 milhões - O número de sites a partir de dezembro de 2009.
  • 47000000 - Adicionado sites em 2009.

servidores Web

  • 13,9% - O crescimento de sites Apache em 2009.
  • -22,1% - O crescimento de sites do IIS, em 2009.
  • 35,0% - O aumento do GFE sites do Google em 2009.
  • 384,4% - O crescimento de sites Nginx em 2009.
  • -72,4% - O crescimento de sites Lighttpd em 2009.
Web server market share

Os nomes de domínio

  • 81800000 - nomes de domínio. COM no final de 2009.
  • 12300000 - nomes de domínio. NET no final de 2009.
  • 7,8 milhões - nomes de domínio. ORG no final de 2009.
  • 76,3 milhões - O número de código de domínios de alto nível do país (por exemplo DE. NC,. UK etc.).
  • 187 milhões - O número de nomes de domínio em todos os domínios de nível superior (outubro 2009).
  • 8% - O aumento nos nomes de domínios desde o ano anterior.

utilizadores da Internet

  • 1730000000 - os usuários da Internet a nível mundial (setembro 2009).
  • 18% - Aumento de usuários da Internet desde o ano anterior.
  • 738257230 - Usuários da Internet na Ásia.
  • 418029796 - Usuários da Internet na Europa.
  • 252908000 - usuários de Internet na América do Norte.
  • 179031479 - Usuários da Internet na América Latina / Caribe.
  • 67371700 - Usuários da Internet na África.
  • 57425046 - usuários de internet no Oriente Médio.
  • 20.970.490 Austrália Internet - usuários em Oceania /.
Internet users by region

As mídias sociais

  • 126 milhões - O número de blogs na internet (como rastreados por BlogPulse).
  • 84% - Porcentagem de sites de rede social com mais mulheres do que homens.
  • 27300000 - Número de tweets no Twitter por dia (Novembro de 2009)
  • 57% - Percentagem da base de usuários de Twitter localizadas nos Estados Unidos.
  • 4.250.000 - Pessoas seguintes @ aplusk (Ashton Kutcher, a maioria seguiu o Twitter do usuário).
  • 350 milhões - Pessoas no Facebook.
  • 50% - Percentual de usuários do Facebook que registram todos os dias.
  • 500.000 - O número de aplicações Facebook activa.

Imagens

  • 4000000000 - Fotos hospedado pelo Flickr (outubro 2009).
  • 2500000000 - Fotos enviadas mensalmente para o Facebook.
  • 30000000000 - No ritmo atual, o número de fotos enviadas para o Facebook por ano.

Vídeos

  • 1000000000 - O número total de vídeos do YouTube serve em um dia.
  • 12200000000 - Vídeos vistas por mês no YouTube os EUA (Novembro 2009).
  • 924000000 - Vídeos vistas por mês no Hulu em os EUA (Novembro 2009).
  • 182 - O número de vídeos on-line do usuário médio da Internet relógios em um mês (EUA).
  • 82% - Percentagem de utilizadores da Internet a ver vídeos on-line (EUA).
  • 39,4% - YouTube quota de mercado de vídeo on-line (EUA).
  • 81,9% - Percentual de vídeos embutidos em blogs que são os vídeos do YouTube.

Os navegadores da Web

Web browser market share

O software suspeito

  • 148.000 - computadores zumbis Novo criado por dia (usado em botnets para enviar spam, etc)
  • 2,6 milhões - Quantidade de códigos maliciosos no início de 2009 (vírus, trojans, etc)
  • 921.143 - O número de novas assinaturas de códigos maliciosos acrescentado pela Symantec no 4 º trimestre de 2009.
As fontes de dados: servidor web e estatísticas do site da Netcraft
 . Estatísticas do nome de domínio do Verisign
 e Webhosting.info
 . Estatísticas do usuário de Internet Internet World Stats
 .Web browser de estatísticas Net Applications
 . Estatísticas e-mail de Radicati Group
 . Spam Estatísticas da McAfee
 . Estatísticas de Malware Symantec
 ( e aqui
 ) e McAfee
 . Estatísticas Online vídeo de Comscore
 , Sysomos
 e YouTube
 . Foto estatísticas de Flickr
 e Facebook
 .Estatísticas da mídia social BlogPulse
 , Pingdom ( aqui
 e aqui
 ), TwitterCounter
 , Facebook
 eGigaOm
 .
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...